Nossos pets são como crianças. Alguns estudos apontam que a capacidade cognitiva de um cão adulto, por exemplo, se assemelha ao de uma criança de 3 ou 4 anos. Dessa forma, não podemos esperar que nossos amigos saibam no que podem ou não mexer, o que podem ou não mordiscar, provar e engolir, certo?

É nossa responsabilidade mantê-los seguros e longe de tudo o que possa ser nocivo a eles, incluindo plantas, alimentos, remédios e outras substâncias. Mas nós sabemos que, algumas vezes, acidentes acontecem, e por isso vamos te mostrar abaixo uma lista de plantas tóxicas aos animais, os sintomas mais comuns e como dar os primeiros socorros em cada caso (também fizemos outra postagem com substâncias tóxicas pros pets).

Os primeiros socorros são parte importante para garantir a boa recuperação deles, mas o recomendado é levar o animal ao Médico Veterinário o mais rápido possível, para que ele indique o melhor tratamento e possa cuidar de possíveis complicações.

Plantas tóxicas

Rüdiger

Acônito

Sintomas: excitação geral, alterações gastrintestinais (salivação excessiva, vômitos e diarréia), paralisia respiratória e morte.
Primeiros socorros: leve ao veterinário com URGÊNCIA.

Atamari

Alamanda

Sintomas: distúrbios gastrintestinais intensos caracterizados por náuseas, cólicas abdominais, vômitos e diarréias.
Primeiros socorros: leve ao veterinário com urgência para hidratação e controle dos distúrbios gastrintestinais.

João Medeiros

Aroeira brava

Sintomas: dermatite.
Primeiros socorros: passe corticosteróides tópicos.

Frank Vincentz

Avelós

Sintomas: dermatite, edema de lábios, boca e língua. O contato com os olhos provoca irritação, lacrimejamento, edema das pálpebras e dificuldade de visão. Se ingerido, pode causar náuseas, vômitos e diarréia.
Primeiros socorros: nas lesões de pele (dermatite): lave com permanganato de potássio e passe corticosteróides tópicos. Nas lesões oculares: lave com água corrente e aplique colírio antisséptico. Se ingerido, dê água e carvão ativado.

Aruna

Azaléia

Sintomas: fraqueza muscular, convulsões, coma, morte.
Primeiros socorros: dê muita água e carvão ativado e leve rapidamente ao veterinário.

Donald Macauley

Azevinho

Sintomas: dor de estômago, vômito, diarréia.
Primeiros socorros: provoque vômito.

H. Zell

Bico-de-papagaio

Sintomas: dermatite local, estomatite.
Primeiros socorros: lesões na pele (dermatite): lave com permanganato de potássio e passe corticosteróides tópicos. Lesões oculares: lave com água corrente e aplique colírio antisséptico. No caso de ingestão (estomatite): administrar analgésicos, antiespasmódicos e protetores de mucosa (leite ou clara de ovos).

Vinayaraj

Chapéu-de-napoleão

Sintomas: náuseas, vômitos e diarréia, alterações cardíacas: taquicardia e bradicardia, bloqueios, fibrilação, convulsões.
Primeiros socorros: leve ao veterinário com urgência para tratamento dos distúrbios cardiovasculares.

Alpsdake

Cinamomo

Sintomas: salivação abundante, náuseas, vômitos, diarréia, cólica, depressão do sistema nervoso central.
Primeiros socorros: dê água com carvão ativado.

Jerzy Opioła

Comigo-ninguém-pode

Sintomas: irritação bucal, náuseas, vômitos, salivação, estomatite e glossite (inflamação na língua).
Primeiros socorros: no caso de ingestão da planta, provoque vômitos (devem ser feitos com muito cuidado), administre demulcentes (leite, clara de ovo, azeite de oliva), analgésicos e anti-histamínicos.

Raul654

Costela-de-adão

Sintomas: estomatite e inflamação na língua.
Primeiros socorros: administre demulcentes (leite, clara de ovo, azeite de oliva), analgésicos e antiespasmódicos.

Manfred Heyde

Copo-de-leite

Sintomas: estomatite e inflamação na língua.
Primeiros socorros: administre demulcentes (leite, clara de ovo, azeite de oliva), analgésicos e antiespasmódicos.

H. Zell

Coroa-de-cristo

Sintomas: sede, vômito, diarréia, dor de estômago, morte em um ou dois dias.
Primeiros socorros: provoque vômito.

© Nevit Dilmen

Dedaleira

Sintomas: alterações neurológicas (depressão e sonolência), alterações gastrintestinais (vômitos e diarréia com sangue) e alterações cardíacas (batimento cardíaco acelerado ou lento), coma, morte.
Primeiros socorros: provoque vômito.

Peter A. Mansfeld

Espada-de-são-jorge

Sintomas: vômito, salivação, diarréia, tontura, colapso, irritação bucal.
Primeiros socorros: NÃO provoque vômito. Ofereça leite ou água para enxaguar a boca.

Sem autor conhecido

Espirradeira, oleandro

Sintomas: náuseas, vômito, cólicas agudas, diarréia muco-sanguinolenta. Fraqueza, depressão e colapso associados a cianose (pele e mucosas com coloração azuladas), angústia respiratória e agitação violenta terminal poderão ser presenciados, bem como tontura, midríase, sonolência, torpor e coma.
Primeiros socorros: leve ao veterinário com urgência.

David J. Stang

Esporinha

Sintomas: depressão, diarréia com sangue, batimento cardíaco acelerado ou lento, dor forte no estômago, coma, morte.
Primeiros socorros: provoque vômito.

Kenraiz

Erva-moura

Sintomas: sonolência, fraqueza e tremor.
Primeiros socorros: leve ao veterinário.

Alex photostream

Filodendro

Sintomas: irritação bucal, náuseas, vômitos, salivação, estomatite e inflamação da língua.
Primeiros socorros: administre demulcentes (leite, clara de ovo, azeite de oliva), analgésicos e anti-histamínicos.

nlamore from USA

Glicínia

Sintomas: depressão, vômito violento.
Primeiros socorros: dê água e/ou leite para diluir o veneno e revestir o estômago.

chery

Hera

Sintomas: estomatite, irritação gástrica, agitação, vômito, diarréia, espasmos musculares e dermatite de contato.
Primeiros socorros: na dermatite por contato: lave com permanganato de potássio e passe corticosteróides tópicos. Se ingerida, leve ao veterinário com urgência.

Cillas

Lírio

Sintomas: insuficiência renal, urina e ingestão de líquido em excesso.
Primeiros socorros: provoque vômito.

Mikenorton

Meimendro

Sintomas: pele seca, vermelha, febre, convulsões, sede excessiva, pupilas dilatadas.
Primeiros socorros: provoque vômito.

Rickjpelleg

Mamona

Sintomas: se ingestão das folhas: alterações neurológicas.
Se ingestão das sementes: diarréia profusa e desidratação. Primeiros socorros: antiespasmódicos e hidratação.

iwata kenichi

Mandioca brava

Sintomas: incoordenação, convulsões, falta de ar, morte.
Primeiros socorros: leve ao veterinário com urgência para administração do antídoto.

Fir0002

Nozes (casca)

Sintomas: vômito, diarréia, convulsões.
Primeiros socorros: provoque vômito.

Rodrigomorante

Pinhão (sementes)

Sintomas: dermatite, depressão nos sistemas respiratório e cardiovascular, ação estimulante sobre a musculatura gastrintestinal.
Primeiros socorros: nas dermatites: passe corticosteróides tópicos. Se ingerida, leve ao veterinário.

Dieter Weber

Ruibarbo

Sintomas: cólicas e diarréia.
Primeiros socorros: forneça bastante água para o animal.

Maçã: Glenn; Abricó: Fibonacci; Cereja: domínio público; Pêssego: Martin Möller

Sementes de maçã, caroços de abricó, cereja e pêssego

Sintomas: intoxicação por cianeto: gengivas vermelhas brilhantes, urinação e defecação involuntárias, respiração difícil, convulsões, espuma na boca, coma.
Primeiros socorros: antídoto disponível no veterinário.

James Steakley

Taioba brava

Sintomas: efeito irritativo, edema de lábios, dificuldade de deglutição.
Primeiros socorros: administre demulcentes (leite, clara de ovo, azeite de oliva), analgésicos e antiespasmódicos.

Dixie~commonswiki

Teixo

Sintomas: fraqueza muscular, respiração difícil, pupilas dilatadas, morte súbita sem sintomas.
Primeiros socorros: provoque vômito. Mantenha as vias aéreas desobstruídas, faça ressuscitação cardiopulmonar se necessário.

Forest & Kim Starr

Tinhorão

Sintomas: língua e garganta inchadas, dificuldade de respirar.
Primeiros socorros: NÃO provoque vômito. Mantenha as vias aéreas desobstruídas, faça ressuscitação cardiopulmonar se necessário. Ofereça leite ou água para enxaguar a boca.

KENPEI

Trombeteira

Sintomas: sede intensa, midríase, secura da pele, elevação da temperatura corporal, taquicardia.
Primeiros socorros: aplique compressas úmidas. Leve ao veterinário para lavagem gástrica e administração de sedativos e antídoto (prostigmina subcutânea).

LauraHale

Urtiga

Sintomas: dermatite (prurido, bolhas e edema local).
Primeiros socorros: passe corticosteróides tópicos.

Fonte: SHOJAI, Amy D. Primeiros socorros para cães e gatos. 2 ed. Belo Horizonte: Editora Gutenberg, 2011, pg. 308 - 309.